Prova Nuno Sepúlveda Velloso assinalou sétimo aniversário de Falcoaria como Património Cultural Imaterial da Humanidade

6 Dezembro 2023, 18:55 Não Por Redacção

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos realizou no passado fim-de-semana o sétimo aniversário do reconhecimento pela UNESCO da prática da Falcoaria em Portugal como Património Cultural Imaterial da Humanidade, com a realização da prova Nuno Sepúlveda Velloso.

Com a participação de 25 alcoeiros nacionais e internacionais, a prova teve em competição 48 aves de presa de diferentes espécies que participaram na prova em diferentes categorias: alto voo, baixo voo e pequenas aves.

Em alto voo o vencedor foi Rui Lima e Nuno Garcia venceu nas pequenas aves. Pedro San Juan foi o vencedor da categoria de baixo voo com açor e Henrique Sanchez da categoria baixo voo harris.

Também no âmbito do 7º Aniversário, na Galeria de Exposições da Falcoaria Real teve lugar a abertura da exposição de ilustração “Aves de Rapina” de Frederick Pallinger.

Recorde-se que a Câmara Municipal de Salvaterra de Magos liderou a candidatura da prática da Falcoaria como Património Cultural Imaterial da Humanidade, juntamente com a Universidade de Évora e a Associação Portuguesa de Falcoaria, tendo conseguido o reconhecimento da UNESCO a 1 de dezembro de 2016, em Adis Abeba, Etiópia.

________________

________________________