Diogo Gomes pede suspensão do mandato de vereador da Câmara Municipal de Santarém

12 Fevereiro 2024, 17:08 Não Por André Azevedo

O vereador da Câmara Municipal de Santarém, Diogo Gomes, pediu a suspensão do mandato autárquico, durante a reunião do executivo realizada esta segunda-feira, 12 de Fevereiro.

O vereador, que se viu envolvido no escândalo do Skate Park, que custou cerca de 75 mil euros aos cofres da autarquia e que esteve em funcionamento apenas seis dias, sendo encerrado devido a falta de condições de segurança, afirmou que não lhe pesa na consciência “qualquer acto ilícito”, embora reconheça que tem que assumir a responsabilidade política.

Acto contínuo pediu a suspensão do mandato para “que possa descansar” já que considera que o processo “teve um desgaste emocional brutal” no próprio e na família.

Relembre que o skate park foi adjudicado a Artur Casaca, que terá sido o único concorrente a apresentar uma proposta, no valor de €74.998,00, menos dois que o valor necessário para ser necessário o lançamento de um concurso público para a empreitada.

________________

________________________