Autorização de operação de empresas de transporte público da Lezíria do Tejo estendida por dois anos

1 Dezembro 2023, 14:02 Não Por André Azevedo

A autorização dos operadores de transporte da Lezíria, a Rodoviária do Tejo e a Ribatejana, foi estendida, de forma provisória, por mais dois anos, uma vez que a empresa intermunicipal da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT) não está pronta a começar as operações, uma vez que aguarda a autorização da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT), assim como a aquisição de uma frota de autocarros.

A informação foi dada pelo presidente da CIMLT e da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro. “A decisão da AMT foi comunicada aos operadores em devido tempo e a situação mantém-se como até aqui”, referiu o autarca ao NS.

Relembre que a prestação de serviço de transporte público na região da Lezíria do Tejo esteve em risco após o concurso público para o serviço ter ficado deserto, já que as empresas consideravam o valor do concurso demasiado baixo. A CIMLT decidiu assumir o serviço e criar uma empresa intermunicipal. Foram feitas propostas para a aquisição de ambas as empresas, que acabaram rejeitadas. As autorizações de operação expiravam a 2 de Dezembro, mas foram prorrogadas.

________________

________________________