Salvaterra de Magos em risco elevado e com regras mais apertadas. Conheça o que muda

8 Julho 2021, 17:26 Não Por João Dinis

O concelho de Salvaterra de Magos foi declarado pelo Governo como um concelho em risco elevado, depois de pela segunda semana consecutiva ter uma incidência cumulativa da Covid-19 superior a 120 casos por 100 mil habitantes.

A partir das 00 horas desta sexta-feira, 9 de Julho, serão aplicadas medidas mais limitativas da liberdade dos cidadãos, bem como o recolher obrigatório a partir das 23 horas.

A partir desta sexta-feira, 9 de Julho, e pelo menos até à próxima semana, altura em que serão realizada uma nova revisão da incidência cumulativa dos novos casos de Covid-19, o concelho de Salvaterra de Magos tem ainda em vigor as seguintes regras:

  • Limitação da circulação na via pública a partir das 23h00.
  • Restaurantes podem funcionar até às 22h30. Às sextas-feiras a partir das 19h00 e aos sábados, domingos e feriados durante todo o dia, o acesso a restaurantes para serviço de refeições no interior está permitido apenas aos portadores de certificado digital ou teste negativo. A limitação do número do número de pessoas por mesa mantém-se: máximo de 6 pessoas por mesa no interior e de 10 pessoas por mesa na esplanada;
  • Exigência de certificado digital ou teste negativo para o acesso a estabelecimentos turísticos e de alojamento local;
  • Teletrabalho obrigatório quando as atividades o permitam;
  • Espetáculos culturais até às 22h30;
  • Casamentos e batizados com 50 % da lotação;
  • Comércio a retalho alimentar, não alimentar e prestação de serviços até às 21h00;
  • Permissão de prática de todas as modalidades desportivas, sem público;
  • Permissão de prática de atividade física ao ar livre e em ginásios;
  • Eventos em exterior com diminuição de lotação, a definir pela Direção -Geral da Saúde (DGS);
  • Lojas de Cidadão com atendimento presencial por marcação.

Concelhos de Risco Elevado: Albergaria-a-Velha, Alenquer, Aveiro, Azambuja, Bombarral, Braga, Cartaxo, Constância, Ílhavo, Lagoa, Matosinhos, Óbidos, Palmela, Portimão, Paredes de Coura, Rio Maior, Salvaterra de Magos, Santarém, Setúbal, Sines, Torres Vedras, Trancoso, Trofa, Viana do Alentejo, Vila Nova de Famalicão, Vila Nova de Gaia e Viseu,

Concelhos de Risco Muito Elevado: Albufeira, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loulé, Loures, Mafra, Mira, Moita, Odivelas, Oeiras, Olhão, Seixal, Sesimbra, Sintra e Sobral de Monte Agraço, Alcochete, Arruda dos Vinhos, Avis, Faro, Lagos, Lourinhã, Montijo, Mourão, Nazaré, Porto, Santo Tirso, São Brás de Alportel, Silves, Vagos e Vila Franca de Xira.

Concelho de Benavente em Alerta

A Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva anunciou ainda os concelhos que entram em alerta, por registarem uma incidência cumulativa de novos casos de infecção pelo novo coronavírus superior a 120 casos por 100 mil habitantes pela primeira semana, e entre os 34 concelhos referidos encontra-se o de Benavente.
Para já, no concelho de Benavente não será tomada qualquer medida de maior restrição da liberdade.