Seca descobre arsenal de guerra em açude em Coruche

1 Setembro 2022, 20:04 Não Por João Dinis

A seca que afecta o nosso país, e que fez com que a reserva de água no Açude do Monte da Barca, no concelho de Coruche, esteja em níveis mínimos, levou a que um popular, que se encontrava na tarde desta quarta-feira, 31 de Agosto, num momento de lazer, tenha detectado a presença de um verdadeiro arsenal de guerra que se encontrava no fundo do açude.

Após o achado, o popular deu o alerta à GNR, que se deslocou ao local, e conseguiu identificar algum armamento, tendo de imediato accionado a unidade inactivação de explosivos, de modo a salvaguardar a integridade dos militares e das armas achadas.

No local estiveram também mergulhadores da GNR, que fizeram uma busca ao perímetro, de modo a tentar perceber se existiam mais armas ou munições no açude, ou enterradas no lodo.

Fonte oficial do Comando da GNR de Santarém confirmou ao NS que no açude “apareceu armamento bastante degradado”, que foi visível com o baixar das águas, acrescentando ainda que a ocorrência está agora sob investigação da Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa, que “compareceu no local e recolheu o armamento”.

Ao que o NS apurou, foram localizadas e recolhidas diversas granadas, material que corresponde a 4 ou 5 espingardas G3, diversas peças do que aparenta ser uma metralhadora pesada Browning de calibre .50 e inúmeras munições das respectivas armas.

A PJ tenta agora identificar os números de série das armas, bem como perceber se as mesmas estarão relacionadas com algum furto de instalações militares, ou se foram utilizadas em algum tipo de crime.

______________________________________

_______________________________________________________________