Salvaterra de Magos reforça meios de combate aos incêndios

19 Maio 2021, 16:25 Não Por João Dinis

Desde o dia 15 de Maio que se encontra activo o  Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) em Portugal, e em Salvaterra de Magos existiu este ano uma ampliação dos meios, tentando assim precaver a ocorrência de eventuais incêndios florestais, no concelho do Vale do Sorraia que mais preocupa as autoridades, em virtude do tipo de floresta que ali existe.

Segundo explica ao Notícias do Sorraia Paulo Dionísio, Comandante dos Bombeiros Voluntários de Salvaterra de Magos, “arrancamos no dia 15 com uma equipa, e iremos ter mais uma na fase mais complicada dos incêndios florestais”, sendo que a partir do próximo mês os Bombeiros de Salvaterra de Magos vão ter “uma equipa de apoio logístico e de veículo tanque”, para reforçar o combate inicial.

O dispositivo está instalado em diversos pontos do concelho de Salvaterra de Magos, de modo a diminuir o tempo de chegada às ocorrências, “temos novas instalações entre a saída de Marinhais e a entrada da Glória do Ribatejo, para diminuir o tempo de chegada às duas freguesias mais prioritárias”.

Paulo Dionísio refere que no concelho de Salvaterra de Magos existe “uma mancha florestal desde Marinhais até aos Foros de Salvaterra, que me preocupa imenso”, pelo que o objectivo de colocar os meios nesta zona “é para encurtar o tempo de chegada do combate inicial”. “Como temos as carrinhas da Câmara de combate aos incêndios florestais na zona de Glória do Ribatejo, faz todo o sentido que as equipas não estivessem próximas umas das outras”, o que permite ”uma primeira intervenção mais rápida em várias freguesias ou em pontos distintos”, explica-nos o Comandante, reforçando que “as duas freguesias mais prioritárias do concelho estão cobertas por meios de combate prioritários”, o que permite que os operacionais chegam o mais rapidamente possível ao foco ini