PJ confirma quatro detenções após crime por cobrança de dívida de negócio ilegal em Marinhais

31 Março 2021, 14:48 Não Por João Dinis

A Policia Judiciária (PJ) através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, confirmou esta quarta-feira, a detenção de quatro homens, de idades compreendidas entre os 22 e os 27 anos, por fortes indícios da prática de crimes graves e violentos, após a rixa ocorrida na madrugada desta terça-feira, 30 de Março, em Marinhais, Salvaterra de Magos, que culminou com a morte de Silvano Francisco, de 29 anos.

Para a realização das detenções dos suspeitos foi fundamental a colaboração Guarda Nacional Republicana.

De acordo com a nota de imprensa da PJ, “os factos criminosos ocorreram na madrugada de ontem (terça-feira), quando um grupo de quatro homens se introduziu na residência de outro, já seu conhecido, supostamente para cobrarem uma dívida de um negócio ilegal que havia sido ecfetuado anteriormente.”

Segundo a PJ o visado reagiu de forma muito violenta, tendo, desde logo, esfaqueado mortalmente um dos quatro oponentes, o que determinou a sua detenção por crime de homicídio, ao qual se associaram os de detenção de arma proibida e tráfico de estupefacientes. Os restantes três intervenientes foram detidos pelo cometimento de ilícitos de extorsão agravada e violação de domicílio.

Os detidos estão neste momento no Tribunal Judicial de Santarém, onde estão a responder ao primeiro interrogatório judicial, no qual serão submetidos à aplicação das medidas de coação processual adequadas.