Melhoria do atendimento no Hospital de Santarém vale elevada satisfação dos utentes

Melhoria do atendimento no Hospital de Santarém vale elevada satisfação dos utentes

3 Novembro 2021, 10:50 Não Por Redacção

O Hospital Distrital de Santarém (HDS), revelou os números do inquérito realizado aos utentes assistidos no mês de Novembro de 2020, em que estes demonstram um grau de satisfação bastante elevado, estando de  de uma forma geral “totalmente satisfeitos” com os serviços prestados, seja nos cuidados prestados, seja na sua organização.

De acordo com a unidade hospitalar, foram consideradas três dimensões – acesso, qualidade/atendimento e estrutura/ instalações – e incluídos utentes assistidos nas Consultas, Hospital de Dia, Internamento, Urgência e Patologia Clínica. Dos 1675 utentes contactados telefonicamente, responderam ao questionário 1185.

O questionário avaliou o grau de satisfação,  o nível de qualidade percebida e a excelência dos serviços prestados numa escala de 1 a 5, em que 1 correspondia a “nada satisfeito” e o 5 a “totalmente satisfeito”.

Quanto aos resultados assistenciais, “verificou-se uma melhoria face a 2019, com 69,5% dos utentes a referirem estar totalmente satisfeitos”, refere o HDS, que acrescenta que de acordo com o relatório, esta melhoria decorre de “um esforço desenvolvido no sentido da redução das listas de espera, o que resultou num acesso mais rápido a episódios de consulta ou urgência e na marcação de cirurgias”.

Por outro lado, 60% dos utentes inquiridos afirmaram estar totalmente satisfeitos com o horário de atendimento, o que representa um aumento de 30% relativamente a 2019, o que, “traduz o esforço que o HDS tem efectuado nesta área”.

Quanto à qualidade do atendimento, e em particular no que respeita à informação prestada, os utentes revelaram também um nível de satisfação mais elevado face a 2019, situando-se nos 4,24 valores.  

A simpatia dos profissionais de saúde, e o respeito pela privacidade,  são outros dos valores reconhecidos pelos utentes, tendo o valor mais baixo sido obtido no serviço de urgência.  

No período agora em análise, por contrapartida com o ano de 2019, os resultados obtidos relativamente às condições das instalações evidenciam que 45% dos utentes estavam “totalmente satisfeitos”. 

Esta melhoria resultou de “um investimento efectuado nos serviços hoteleiros, designadamente na manutenção e limpeza interna das instalações e espaços verdes”.

No que concerne à avaliação global, os utentes inquiridos encontram-se num nível próximo do “totalmente satisfeito”, atribuindo 4,45 valores à satisfação global com os cuidados prestados e 4,05 valores à organização do hospital.

Conclui-se que relativamente a 2019, se verifica uma franca melhoria dos resultados, fruto de um investimento contínuo em várias dimensões, que tanto o Conselho de Administração, como os serviços tomaram como prioridade de melhoria.

Para o HDS, “a avaliação da satisfação dos utentes é essencial para a análise da qualidade dos serviços de saúde, constituindo-se como uma oportunidade de participação do utente na construção de um serviço de saúde centrado no cidadão”.