Costureiras solidárias de Salvaterra de Magos vestem crianças de países desfavorecidos

1 Março 2021, 16:46 Não Por Redacção

As costureiras da Universidade Sénior de Salvaterra de Magos, que integram o projecto “Dress a Girl Portugal” concluíram recentemente um total de 177 conjuntos de roupa, apesar do compromisso iniciar ser de apenas 40, que vão agora ser doados a crianças da República Centro Africana.

Os kits confecionados estão identificados com a etiqueta Dress a Girl e incluem uma bolsa em tecido, uma máscara social infantil, uma peça de roupa interior, um vestido ou um calção.

Fonte da coordenação do projecto refere que tal só foi possível graças ao empenho deste grupo de cerca de duas dezenas de voluntárias que, em tempo de pandemia, não baixaram os braços e, a partir de casa, dedicaram corpo e alma a mais uma atividade, confecionando peças de vestuário para crianças de países desfavorecidos. Para este resultado, foi igualmente fundamental a colaboração de munícipes e empresas do concelho que têm doado tecidos e materiais para a confeção dos vestidos e calções.

O Presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Hélder Manuel Esménio, juntamente com o Presidente da União das Freguesias de Salvaterra de Magos e Foros de Salvaterra, Manuel Bolieiro, visitaram, no final da semana passada, as instalações da Universidade Sénior, onde decorreram os preparativos para a entrega dos kits, para agradecer pessoalmente o trabalho que o grupo de voluntárias vem desenvolvendo.

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos apoia, felicita e agradece o trabalho desenvolvido por este grupo de voluntárias e a colaboração dos muitos munícipes e empresas do concelho, contributos fundamentais para o sucesso destes projetos de solidariedade para ajudar os que mais precisam“, refere Hélder Esménio, autarca salvaterrense.

A organização procura que as entregas sejam documentadas em fotografias e/ ou vídeos, considerando que esta constitui a principal via de reconhecimento de todos os participantes diretos e indiretos no projeto Dress a Girl Portugal.

Esta actividade junta-se a outras já realizadas pelo grupo de Salvaterra de Magos no âmbito do projecto a nível nacional, tendo até ao momento entregue mais de duas mil peças de vestuário. E não vão ficar por aqui, porque a produção de vestidos e calções continua, sempre focadas no objetivo de proporcionar sorrisos a mais crianças.

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos apoia e colabora com o projeto Dress a Girl Portugal no âmbito da Universidade Sénior, a qual tem como objetivos combater o isolamento social e promover a melhoria da autoestima, a sociabilidade, a partilha de saberes, a melhoria da dinâmica familiar e a promoção da saúde dos/as nossos/as munícipes, sendo a promoção do voluntariado e a realização de encontros de cariz solidário contributos essenciais para os alcançar. 

A Dress a Girl Around the World é uma Organização Não Governamental (ONG), fundada em 2009 nos Estados Unidos. Em Portugal, iniciou a sua atividade em 2016 e dois anos depois a Dress a Girl Portugal (DAG-P) tornou-se numa associação sem fins lucrativos que promove encontros intergeracionais por todo o País e que conta com a colaboração de vários ateliers de costura, que dependem do trabalho voluntário e solidário para a confeção e de doações de matéria-prima necessária para a realização dos vestidos e calções para crianças de países desfavorecidos, levando-lhes dignidade, proteção e esperança.

O trabalho de parceria desenvolvido pela Dress a Girl Portugal com organizações não governamentais de carácter social, entidades públicas e privadas e sociedade civil, tem permitido alargar o seu apoio a um maior número de crianças, sendo que, segundo dados da DAG-P, desde que iniciou atividade até dezembro de 2020, foram feitos e entregues mais de 53 mil vestidos e mais de 25 mil calções em vários países do Mundo.


Fotografia: Direitos Reservados