Câmara de Benavente dá nega a parque fotovoltaico na Barrosa

2 Novembro 2021, 19:03 Não Por João Dinis

A Câmara Municipal de Benavente deu hoje indeferimento a uma solicitação da empresa RP Global, que pretendia instalar um parque fotovoltaico na Barrosa.

A empresa austríaca, que em Portugal é representada por Jorge Viegas, que é também Presidente da Federação Internacional de Motociclismo, pretendia ocupar 19.706 metros quadrados de uma parcela de terreno à entrada da Barrosa, com um parque de painéis solares, mas viu agora a Câmara Municipal de Benavente, gorar as suas pretensões depois de analisa a proposta, que colidiria com os interesses municipais.

A rejeição à solicitação da empresa foi dada por unanimidade, e teve como base as incompatibilidades no solo, bem como o impacto negativo para a paisagem e para a vila da Barrosa.

O Presidente da Câmara Municipal de Benavente, Carlos Coutinho, esclareceu ainda que o Plano Director Municipal (PDM) para o concelho de Benavente é dos únicos do país a prever a instalação deste tipo de equipamentos, que o apenas o permite em solo rústico e não em solo urbanizável, como é o caso deste na Barrosa onde a empresa pretendia instalar os painéis solares.

Carlos Coutinho reiterou ainda uma preocupação com este tipo de instalações, sem qualquer regra, que muitas vezes prejudicam as populações e deixam a paisagem irreconhecível, o que muitas vezes é também prejudicial para o meio ambiente.