Boas práticas de sustentabilidade valem distinção ao Município de Coruche

26 Novembro 2021, 10:49 Não Por Redacção

 

 

O Município de Coruche recebeu esta semana a distinção da Plataforma ODSlocal, pelas “Boas Práticas para os ODS pela sua dinâmica na área da sustentabilidade.”

O prémio Boas Práticas para os ODS visa dar visibilidade aos municípios que executem os melhores conjuntos de boas práticas nos serviços da autarquia e a boas práticas individuais com impacto relevante na concretização de metas de um ou mais ODS ao nível local. O município de Coruche foi vencedor na subcategoria Melhor Conjunto de Boas Práticas, tendo apresentado 28 boas práticas com impacto em todos os objectivos de desenvolvimento sustentável.

Entre os projectos promovidos pela Câmara Municipal de Coruche estão a requalificação da margem esquerda do rio Sorraia, o projecto Hortas do Sorraia, a Praia Fluvial, bem como as boas práticas ambientais e sociais, como os apoios escolares, recolha de resíduos, programa de acompanhamento a idosos, entre outros.

A Plataforma ODSlocal distinguiu ainda o Município de Coruche com o Selo ODSlocal pelo seu compromisso com a sustentabilidade local e pelas dinâmicas que apresenta neste domínio. A distinção da ODSlocal reconhece o trabalho do município de Coruche no cumprimento dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, designadamente na erradicação da fome (ODS2), nas energias renováveis e acessíveis (ODS 7), na redução das desigualdades (ODS 10), e na promoção do consumo e produção responsáveis (ODS 12).

Os vencedores dos Prémios ODSlocal atribuídos pela Plataforma ODSlocal foram anunciados ontem em Lisboa na 1ª Conferência Anual ODSlocal, que decorreu no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, e que contou com as intervenções do economista americano Jeffrey Sachs, professor da Universidade de Columbia em Nova Iorque, e de Alexandre Caldas, Director da Divisão de Big Data na ONU.


Fotografia: Direitos Reservados