5 de Outubro assinala 93º aniversário dos Bombeiros de Coruche (Com Fotos)

5 Outubro 2021, 15:31 Não Por João Dinis

Fundados em 1928, os Bombeiros Municipais de Coruche celebram a cada 5 de Outubro o seu aniversário, sempre aliado ao aniversário da Implantação da República Portuguesa.

Como é tradição, após a romagem ao Cemitério de Coruche, onde no ‘Talhão dos Bombeiros’ estão sepultados os operacionais que faleceram ao longo dos anos, a Praça de Água, no Parque do Sorraia, recebeu a cerimónia comemorativa da efeméride, que este ano e no pós pandemia pode voltar a receber os operacionais do corpo de Bombeiros de Coruche, entidades e familiares dos bombeiros.

Antes da cerimónia de imposição de condecorações, destaque para os discursos do Comandante dos Bombeiros Municipais de Coruche, Luís Fonseca e para o do Presidente da Câmara Municipal de Coruche, Francisco Oliveira.

Com dois discursos bem virados para dentro da corporação, ambos apelaram à união na corporação, bem como ao sentido de missão assumido por quem veste uma farda nobre como a de uma corporação de bombeiros e que diariamente tem a mãos a vida de muitas pessoas.

Luís Fonseca começou por reconhecer e agradecer a missão dos operacionais que comanda, enquanto agentes da Protecção Civil e no serviço da população, dando ainda ênfase à união, disciplina e rigor no serviço público prestado pela corporação.
O Comandante agradeceu ainda às famílias dos seus operacionais, que diariamente se vão vendo privado dos seus familiares, para que estes possam cumprir a sua missão de ajuda ao próximo. “O nosso objectivo é comum, é um objectivo de todos e feito de todos… só em conjunto lá chegaremos, garantidamente que só em conjunto lá chegaremos…”, vincou, deixando depois uma palavra de agradecimento ao executivo da Câmara Municipal de Coruche, entidade que gere o corpo de bombeiros.

Francisco Oliveira agradeceu ainda todo o empenho da corporação, que nos últimos dois anos esteve na linha da frente no combate à pandemia, deixando ainda uma palavra de que tudo fará o seu executivo para que os operacionais possam ter as melhores condições, ainda que muitas vezes tenham que lutar contra os imperativos legais.

Após dos discursos foram condecorados alguns operacionais, quer por parte da Liga dos Bombeiros Portugueses, quer por parte do Município de Coruche, aos bombeiros que no último ano se distinguiram ou cumpriram anos de serviço público e à causa pública.